(11) 3016.5200 contato@modenasp.com.br
Onde Estamos Rua da Paz, 1252 - Chácara Santo Antonio - SP
08:15 - 18:00 Segunda a Sexta-Feira

Andrea Dovizioso, piloto da Ducati, venceu o Grande Prêmio de San Marino deste domingo em Misano, com Marc Marquez logo atrás na P2, depois que Jorge Lorenzo caiu faltando 2 voltas para o fim da corrida.Lorenzo manteve sua liderança partindo da pole na curva 1, à frente de Jack Miller, com Marquez em terceiro.

Com Lorenzo tentando abrir vantagem, seu companheiro de equipe Dovizioso não perdeu tempo para ultrapassar Marquez e Miller na primeira volta, e já era o líder da corrida na volta três.

Na volta 10, Dovizioso tinha uma vantagem de 0,7s, que ele logo aumentou para mais de um segundo, enquanto Marquez passava por Lorenzo na curva 14.

Os futuros companheiros de Honda em 2019 travaram então um duelo emocionante, com Lorenzo retomando a posição na curva 12. Dovizioso tinha uma vantagem de 2,5s neste momento, mas os rivais vinham tirando a diferença faltando 3 voltas para o final da corrida.

Forçando para reduzir ainda mais a diferença e pressionar seu atual companheiro de equipe, Lorenzo caiu na Curva 8 na penúltima volta, permitindo que Dovizioso tranquilamente conquistasse sua terceira vitória da temporada e a primeira da Ducati em Misano em 11 anos.

A queda de Lorenzo deu o segundo lugar para Marquez, que agora tem 68 pontos de vantagem sobre Dovizioso no mundial de pilotos.

Cal Crutchlow, da LCR Honda, cruzou a linha na terceira posição em seu segundo pódio da temporada.

Alex Rins, da Suzuki, apostou nos pneu traseiro macio, apesar das altas temperaturas, e ficou na P4, à frente de Maverick Vinales (Yamaha).

O companheiro de Vinales na Yamaha, Valentino Rossi, terminou apenas na sétima posição em sua corrida “em casa”. Dani Pedrosa dividiu as Yamahas em sexto.

Andrea Iannone, Alvaro Bautista e Johann Zarco fecharam os dez melhores.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nossas Marcas